EUA definem estratégia inédita para reduzir preço do petróleo

Os Estados Unidos definiram, com outros países, uma estratégia inédita pra tentar diminuir o preço do barril de petróleo. Economista e sócio da Valor Investimentos, David Lelis explica o plano norte-americano no Jornal da Record News.

Inscreva-se no nosso canal:
youtube.com/c/recordnews

Siga a Record News no TikTok: @recordnews

Decreto pretende reduzir preços dos combustíveis

O decreto que muda as regras para comprar e vender combustíveis está causando polêmica. As principais mudanças permitem que os postos possam oferecer qualquer marca de gasolina e podem negociar etanol direto com os produtores.

Inscreva-se no nosso canal:
http://www.youtube.com/c/recordnews

Ministério da Saúde vai reduzir intervalo de doses da Pfizer

O secretário executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, confirmou nesta segunda-feira (26) que o intervalo entre a aplicação da primeira e segunda doses da vacina da Pfizer vai ser reduzido para 21 dias. Hoje, é preciso esperar três meses para tomar a segunda aplicação do medicamento.

Inscreva-se no nosso canal:
http://www.youtube.com.br/c/recordnews

Diretora da Precisa Medicamentos afirma que tentou reduzir preços da Covaxin

A CPI da Pandemia marcou para esta quarta-feira (14) os depoimentos da diretora técnica da Precisa Medicamentos, Emanuela Medrades, e do dono da empresa, Francisco Maximiano, sobre a tentativa de compra pelo governo Bolsonaro da vacina indiana contra covid-19 Covaxin. Durante depoimento, Emanuela afirmou que não houve oferta de US$ 10 por dose.

Inscreva-se no nosso canal:
http://www.youtube.com/c/recordnews

Bolsonaro promete reduzir emissões de carbono e zerar desmatamento ilegal até 2030

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) reafirmou, em seu discurso nesta quinta-feira (22), na Cúpula do Clima, os compromissos assumidos em carta enviada ao presidente norte-americano Joe Biden. Entre eles, o de zerar o desmatamento ilegal na Amazônia até 2030 e reduzir as emissões de carbono em 37% até 2025 e zerá-las até 2050.

Inscreva-se no nosso canal:
http://www.youtube.com/c/recordnews